domingo, 22 de agosto de 2010

O QUE EU SEI DOS HOMENS



Ao domingos o suplemento PÚBLICA de O Público entre algumas coisas ligeirotas e dispensáveis (do meu ponto de visata) tem vários desafios para uma leitura interessante e enriquecedora.

Basta falar da coluna assinada pelo Professor Daniel Sampaio ou de uma outra de autoria da minha amiga Ana Sousa Dias que se intitula "O que eu sei dos homens" ou "O que eu sei das mulheres", conforme o entrevistado.

Já me emocionei com algumas das entrevistas da Ana. Entre outras não me esquecerei daquela em que o Fernando Tordo fazia uma comovente declaração de amor à sua mulher.

Hoje saiu a minha amiga e escritora Cristina Carvalho. Já aqui falei dela. Filha dos escritores Natália Nunes e Antonio Gedeão. Conhecemo-nos há 6 meses e ficámos amigos para sempre. E para um sempre que vem de trás e vai até sei lá quando.

A Cristina é uma mulher fantástica e a sua conversa com a Ana é uma delícia. Deixo aqui um cheirinho:

"Não sei nada de religião, não fui educada religiosamente. Admiro, enalteço e faço as minhas orações à natureza.
É a natureza que me comanda a vida, como dizia o meu pai - o sonho comanda a vida e o meu sonho é o universo, que eu não compreendo nem sei. A indizibilidade do universo é a minha religião."

2 comentários:

relogio.de.corda disse...

Olá
Mais um feliz e inesperado encontro ao sabor do vento. Essa "coisa" de ter seguidores dá jeito, mas não tendo, vou usar este blogue para o adicionar ao meu.
Felicidades

Mar Arável disse...

Muito bem recordado

Senhoras de corpo inteiro

Abraço