segunda-feira, 24 de março de 2008

MEDOS, FOBIAS, OBSESSÕES


Uma vida não nos chega para tudo o que gostaríamos de fazer, de visitar, de amar.

Há momentos em que temos de fazer escolhas. Não se pode fazer tudo bem. É preciso criar prioridades. A poesia e a sua divulgação ganharam um ligeiro avanço ao resto. Além disso, há actividades como as artes plásticas que são demasiado absorventes para se fazerem em part-time.

Às vezes dava-me para "bonecar". Ultimamente menos. Há uns anos andava a inventar uns bicharocos engraçados. Este foi parar à capa da Revista de "Psicologia" que abordava o tema dos "Medos, fobias, obsessões". 1989. Já lá vai algum tempo...

4 comentários:

Luís Santiago disse...

Ai que medo.... Brrrr! Ainda assim é si´mpático o bicho.

Tiago Carvalho disse...

Eu lembro-me destes "bichos" que fazias.

Caçadora de Emoções disse...

Também gostei deste bicho!.. Um abraço, Paula

jose disse...

Fanha:
Belo, bom,"bestial".
Isto é um site que até nos assusta, até certo ponto...
Abraços