quarta-feira, 27 de maio de 2009

MAR



(Foto Ana Bela Mendes)

"O MAR A ESTENDER E A ENCOLHER É LINDÍSSIMO"

disse o Rui (que agora já passa dos 30 anos) quando, um dia, a professora Ana Maria levou os meninos da escola do Seixal, Monchique, a ver o mar pela primeira vez.

4 comentários:

Pedro disse...

Caro José Fanha.

Os meus alunos, na sua maioria almadenses, estão fartos de ver o mar. Mas, mesmo assim, continuam a escrever sobre os seus sons, cores e cheiros; e sobre muitas coisas mais, felizmente! São tantas essas coisas que enchemos 24 páginas de um jornal de turma - isto contando com as do suplemento.

Porque esteve cá na nossa Escola Nº1 da Cova da Piedade e porque duas dessas páginas são sobre si e para si, gostávamos muito de lhe enviar um número d'A BOMBA!

Mando-lhe o meu e-mail para que me diga qual a melhor forma de lhe fazer chegar este trabalho jornalístico que muito nos aprazeria sabê-lo a folhear.

E mais lhe digo: é grátis!

Um grande abraço deste seu admirador

Pedro Campos

pedrodcampos@gmail.com

Lídia Borges disse...

Há muitos anos, também eu tive oportunidade de observar ao vivo o espanto nos rostos de muitas crianças que levei a ver o mar.
Eram crianças de aldeias do interior norte por onde andei a semear palavras e sonhos, enquanto professora do 1.º ciclo.

samuel disse...

Não podia descrever melhor o dito.

Off topic, muitas vezes, os convites do Gabinete Cultural da SPA passam-me um bocado ao lado. Desta vez tenho mesmo pena de não poder estar contigo e o Joaquim Pessoa, para ouvir o Zé Carlos. Lá em Braga, onde estarei a cantar, cometerei alguma cantiga dele...

Abraço.

Mar Arável disse...

Força essa a tua

lindo mar

que não desiste

nem nós

à sua pergunta