terça-feira, 13 de maio de 2008

GUARDA



Aprende-se a gostar de ler ouvindo. Foi assim, pelo menos, que eu aprendi. A ouvir a minha avó. Mais tarde a ouvir o João Vilaret. E o Zé Carlos Ary dos Santos. E o David Mourão-Ferreira. E o Mário Viegas. E os actores. A Maria do Céu Guerra, o Rui de Carvalho, a Eunice, o João Perry... E tantos.

Pela minha voz, tento devolver aos que me ouvem o encanto pelos tesouros que tive a sorte de receber ao longo dos anos.

3 comentários:

samuel disse...

A imagem das cabecitas todas viradas para ti, "arruma" qualquer comentário que me ocorresse.

Mar Arável disse...

Que nunca te doa a voz

nem a poesia

mariam disse...

boa noite
que bom vê-lo assim
parabéns muitos
... verdadeira arte... está a formar(moldar)... mentes...
"mostrar a maravilha que mora dentro de um livro, partilhar emoções, devolver à voz o encantamento da palavra..."

um grande sorriso :)